Lowbrow (movimento artístico)

Content

História

Alguns dos primeiros artistas a criar o que veio a ser conhecido como arte de Lowbrow eram cartunistas subterrâneos como Robert Williams e Gary Panter. Barry McGee, Margaret Killgalen, Dan "Plasma" Rauch e Camilla Elke foram os primeiros a pioneiros em Lowbrow como arte de rua, zine, moda, grafite e contra -cultura. O objetivo do movimento Lowbrow era adotar uma abordagem não ortodoxa da arte e desafiar completamente suas "regras". Isso resultou em reação de indivíduos e organizações significativos na indústria artística. Os primeiros shows foram em galerias alternativas em Nova York e Los Angeles, como a Psychedelic Solutions Gallery, em Greenwich Village, Nova York, que foi administrada por Jacaeber Kastor, La Luz de Jesus, dirigida por Billy Shire e 01 Gallery em Hollywood, administrada por John Pochna. O movimento cresceu constantemente desde o início, com centenas de artistas adotando esse estilo. À medida que o número de artistas crescia, o número de galerias também mostrava Lowbrow. Em 1992, Greg Escalante ajudou a orquestrar a primeira exposição formal da galeria a levar a sério a arte de Lowbrow; O show solo do pintor Anthony Ausgang, "Looney Virtues", na Julie Rico Gallery, em Santa Monica. A Galeria Bess Cutler também mostrou artistas importantes e ajudou a expandir o tipo de arte que foi classificada como Lowbrow. A revista Lowbrow Juxtapoz, lançada em 1994 Por Robert Williams, Greg Escalante e Eric Swenson, tem sido um dos pilares de escrever na arte de Lowbrow e ajudou a moldar e expandir o movimento.

Etimologia

Em um artigo da edição de fevereiro de 2006 de sua revista Juxtapoz, Robert Williams recebeu o crédito por originar o termo "Lowbrow Art". Ele afirmou que, em 1979, Gilbert Shelton, do editor Rip Off Press, decidiu produzir um livro com as pinturas de Willams. Williams disse que decidiu dar ao livro o título autodepreciativo a arte Lowbrow de Robt. Williams, já que nenhuma instituição de arte autorizada reconheceria seu tipo de arte. "Lowbrow" foi assim usado por Williams em oposição a "Highbrow". Ele disse que o nome então ficou preso, mesmo que ele ache que é inapropriado. Williams se refere ao movimento como "surrealismo abstrato contaminado com desenhos animados". Ultimamente, Williams começou a se referir ao seu próprio trabalho como "realismo conceitual".

Anthony AusgangMark RydenRobert WilliamsCorrie EricksonCamille Rose GarciaShagTodd SchorrGreg SimkinsAmy SolKenny ScharfRay CaesarEsao AndrewsMarion PeckTara McPhersonSunny Buick

Livros

Existem vários livros que oferecem histórias gerais de Lowbrow, incluindo o seguinte:

Tropeano, Mauro (2020). Lowbrow Art / Pop Surrealism (Le Origini / La Storia). Blurb. ISBN 9781715775650.Shire, Billy (2011). La Luz de Jesus 25. Last Gasp. ISBN 9780867197648. A collection of La Luz de Jesus Gallery in Hollywood, CA that has carried Lowbrow art for 25 years.Williams, Robert; McCormick, Carlo; Reid, Larry (2004). Anderson, Kirsten (ed.). Pop Surrealism: The Rise of Underground Art. Last Gasp. ISBN 0867196181.Jordan, Matt Dukes (2005). Weirdo Deluxe: The Wild World of Pop Surrealism and Lowbrow Art. Chronicle Books. ISBN 9780811842419.Rose, Aaron; Strike, Christian; Baker, Alex (2004). Beautiful Losers: Contemporary Art and Street Culture. Iconoclast. ISBN 1891024744.Cullison, Sherri (2002). Vicious, Delicious, and Ambitious: 20th Century Women Artists. Schiffer Pub. Limited. ISBN 0764316346.

Revistas

JuxtapozPORK (magazine)Beautiful/Decay MagazineTokion is a magazine with both Japanese and US editions.Hi-Fructose

Veja também

Chicago ImagistsDecadent movementDieselpunkKitschKustom KultureMassurrealismMiddlebrowNaive artOutsider artStuckismSuperflatTiki cultureUnderground art